AGENDA

Feira Popular inaugurada ontem

Foi inaugurada ontem ao fim da tarde a Feira Popular de Loulé. Até 21 de julho, o Largo do Tribunal volta a ser palco de mais uma edição da Feira Popular, o qual, sob a designação de Feira de Artesanato, afirmou-se ao longo dos anos como um dos mais importantes certames da região algarvia e que desde 2011 ganhou um novo formato.

Inspirado no certame que nos anos de 1946 e 1952 animou a antiga Quinta do Pombal (hoje Parque Municipal de Loulé), com assinalável êxito, esta Feira Popular de Loulé é uma iniciativa da Câmara Municipal que pretende reavivar um antigo evento de beneficência e oferecer à cidade e aos seus habitantes uma opção diversificada de entretenimento e animação nas noites quentes de Verão.

A Feira conta com diversas valências, entre elas a exposição e venda de artesanato (onde destacamos a grande artesã algarvia Filipa Faísca com os seus famosos bonecos), livros, plantas, produtos agroalimentares, animação infantil e desportiva, espetáculos musicais, entre outros.

Uma das principais atracões do certame é o carrossel infantil que faz as delícias dos mais novos. Este ano, a grande novidade é a piscina com bóias e bolas, onde as crianças podem brincar. Insufláveis, pinturas faciais e modelagem de balões são outras das atividades previstas para os mais novos.

A gastronomia é outra das componentes da Feira que oferece ao visitante a oportunidade de apreciar os sabores da cozinha tradicional algarvia nas diversas tasquinhas existentes no local, bem como desfrutar de um espetáculo de folclore ou música tradicional portuguesa.

Em termos musicais, o programa contou ontem com a atuação da fadista Ana Lains. A partir de hoje, a animação musical fica a cargo da Sociedade Filarmónica Artistas de Minerva (18 julho, 21h30), de Ana Ritta (18 julho, 22h30) e do grupo Alecante (21 julho, 22h00).

Inserido nesta programação, nos dias 19 e 20 de julho irá realizar-se a 6.ª edição do Festival de Folclore “Ecos do Passado”, no âmbito do 36.º aniversário do Rancho Folclórico Infantil e Juvenil de Loulé. Para além do grupo anfitrião, este Festival conta com a participação do Rancho Infantil da Associação Recreativa e Cultural Moreira da Maia (Porto), Grupo Folclórico e Humanitário do Concelho de Sesimbra, Rancho Típico da Palheira – Condeixa (Coimbra) e Rancho Coral e Etnográfico de Vila Nova de São Bento (Serpa).

A entrada é livre e o recinto funciona diariamente das 20h00 às 00h00.

Jorge Matos Dias/PlanetAlgarve

Categories: AGENDA, Loulé

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.