Desporto

Tomás Apolónia no Top 5 em Espanha

Piloto do Algarve correu este fim de semana no Circuito Internacional de Zuera

Tomás Apolónia, único representante português no Campeonato de Espanha de Karting na categoria Cadete, defendeu de forma categórica as cores nacionais, na segunda jornada dupla, disputada este fim de semana no Circuito Internacional de Zuera, perto de Zaragoza. O piloto do Algarve perante 26 adversários foi o terceiro mais rápido nos cronometrados, mas na volta de formação da Final 1 o carburador partiu! Contudo, na Final 2 o piloto do Algarve fez uma corrida de ‘antologia’, já que largou da 24.ª posição e viu a bandeira xadrez no quinto lugar, à frente de David Vidales, vencedor da Final 1 e líder do campeonato.

Nos treinos livres de sexta-feira, Tomás Apolónia, integrado na Max Power Kart Team, ao volante do seu kart equipado com chassis Kosmic, sendo o motor Parilla preparado pela STR, rodou sempre nos lugares da frente e nos treinos livres oficiais de sábado foi o terceiro mais rápido, confirmando essa performance nos treinos cronometrados, dado que estabeleceu a terceira melhor marca com o registo de 1m12,243s, ficando apenas a escassos 0,082s do segundo mais rápido, o espanhol Rubén Sabater (RK), e a 0,120s do autor da melhor volta, o catalão Lluc Ibáñez, que venceu a primeira corrida da jornada dupla inaugural disputada na pista de Campillos, perto de Málaga.

Na primeira corrida de qualificação, Tomás Apolónia largou da terceira posição e na quarta curva passou para a liderança, mas depois caiu para a quinta posição, mantendo-a até à última volta, altura em que um incidente que envolveu vários pilotos fez com terminasse na 11ª posição. Um novo azar para o piloto do Algarve que foi o quarto mais rápido da corrida entre 26 adversários. Na segunda corrida de qualificação, o piloto português largou novamente da terceira posição, manteve-se no grupo da frente, mas na segunda volta um toque de um adversário obrigou-o a sair de pista. Tomás Apolónia ainda regressou ao traçado na 23ª posição e recuperou até ao 17.º lugar, não existindo tempo para alcançar mais lugares.

Face a estes resultados nas corridas de qualificação, Tomás Apolónia assumiu a 13.ª posição na grelha de partida para a Final 1, mas na volta de lançamento o carburador partiu e ingloriamente o piloto do Algarve nem se quer alinhou. Na Final 2, o piloto português largou da 24.ª posição – face ao contratempo da Final 1 – e conseguiu recuperar 19 lugares para terminar na quinta posição, à frente do líder David Vidales (FA), enquanto o vencedor da corrida foi Daniel Macia (RK). “Face à minha rapidez durante o fim de semana foram várias as pessoas que me disseram no final da prova que estava com andamento para ganhar. Mas em Espanha são muitos pilotos em pista e tanto os incidentes de corrida como os erros de pilotagem pagam-se caro. Mas, apesar de tudo, estou satisfeito pela minha performance, pois liderei a primeira corrida de qualificação, fui sempre dos mais rápidos, recuperei 19 posições na Final 2, pelo que me permite nas próximas provas continuar a lutar pelas vitórias. Mas sei, naturalmente, que este campeonato não é nada fácil, pois participam muitos pilotos com igual capacidade para vencer. Quero agradecer ao meu mecânico Max, assim como ao preparador do motor Parilla, o Pere Vila, da STR, que tudo fizeram para que eu tivesse um kart competitivo”, sublinhou Tomás Apolónia.

A terceira e penúltima jornada dupla do Campeonato de Espanha de Karting será disputada entre 12 e 15 de setembro, no Circuito de Recas, em Toledo.

Categories: Desporto

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *