AGENDA

Festa em Honra de Nossa Senhora da Orada começou ontem com Procissão das Velas e entrega de imagem aos pescadores (19 fotos)

Começou ontem a Festa em Honra de Nossa Senhora da Orada, Padroeira dos Pescadores de Albufeira, promovida pela Paróquia de Albufeira, uma das tradições religiosas mais antigas da região que já faz parte do cartaz turístico da cidade. Antiga vila piscatória, as gentes de Albufeira têm uma enorme devoção por Nossa Senhora, a qual está bem patente nos ex-votos que se encontram na Ermida da Orada e que ilustram os milagres da Padroeira dos Pescadores.

As celebrações tiveram início às 21h30, com missa na capela de Nossa Senhora da Orada, junto à Marina de Albufeira, seguida de Procissão de Velas até ao Porto de Abrigo, onde foi colocada uma imagem de Nossa Senhora da Orada.

Em declarações exclusivas ao PlanetAlgarve, o Pároco de Albufeira, Cónego José Rosa Simão, disse-nos que “a imagem de Nossa Senhora da Orada, desde há muitíssimos anos a esta parte, é de grande devoção dos pescadores de Albufeira. No entanto, ultimamente, desde que a Procissão se faz pelo mar, ficaram mais unidos a esta devoção, como as famílias dos pescadores, as gentes do campo e não só. Desde há pelo menos 4 ou 5 séculos que têm uma grande devoção a Nossa Senhora da Orada. Ultimamente, essa relação especial com os pescadores tem-se desenvolvido ao ponto de eles quererem agora a imagem mais lá perto deles. Daí terem criado aquele nicho, que foi inaugurado o ano passado e este ano levámos para lá a imagem, que fica agora ao cuidado dos pescadores. É um lugar, não digo de culto, mas é um ponto de referência para a devoção deles. Assim, podem ver a imagem todos os dias, ao passo que na Ermida, ela está fechada, só quando se abre mensalmente ou quando se fazem as festas é que a podiam ver. Assim, podem vê-la todos os dias e, como têm mesmo devoção à Nossa Senhora da Orada, têm a oportunidade de poderem venerar e pedir à Nossa Senhora a sua proteção”.

Quando à procissão das embarcações por mar, o Pároco de Albufeira salienta que “a Procissão faz-se por terra. Ainda não se faz por mar. Estou na expetativa de que os pescadores, e não só, criem as condições para se fazer algo mesmo digno”.

Os festejos prosseguem hoje, 4.ª feira, 14 de agosto, Dia de Nossa Senhora da Orada – Padroeira dos Pescadores de Albufeira

A Festa começou com repique festivo dos sinos da Igreja Matriz, pelas 9h00. Às 11h00, teve lugar a abertura da Ermida da Orada e da Exposição de Arte Sacra alusiva ao culto a Nossa Senhora da Orada, em Albufeira, ao longo de cinco séculos.

Às 18h00, decorre a Missa Solene da Festa da Assunção de Nossa Senhora, na Ermida da Orada. O ponto alto das Comemorações acontece logo após, pelas 19h00, com a tradicional Procissão da Ermida da Orada até ao Porto de Abrigo. Segue-se a Bênção dos pescadores e das suas embarcações e o regresso à Ermida com saudação final. A Festa conta, também, com um programa de animação, onde não faltam as tasquinhas, no adro da Ermida, para que os visitantes possam degustar a deliciosa gastronomia da região. A música portuguesa completa o cartaz com um Espetáculo Musical de Acordeão com o grupo “Folequestra”.

Quinta feira, 15 de agosto, Dia Santo – Assunção de Nossa Senhora

As festividades terminam no dia 15 com a celebração do Dia da Assunção de Nossa Senhora. O programa deste dia começa, às 10h00, com missa na Igreja Matriz de Albufeira. Às 11h30, tem lugar uma missa campal na Quinta da Balaia. As comemorações encerram às 19h00 com a missa da Assunção de Nossa Senhora na Ermida da Orada.

Trata-se de uma organização da Paróquia de Albufeira com o apoio da Câmara Municipal de Albufeira e da Junta de Freguesia de Albufeira.

Por: Jorge Matos Dias – PlanetAlgarve

Veja a Reportagem do 1.º Dia dos Festejos

Categories: AGENDA, Albufeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *