AGENDA

Projeto TASA | Ligar o Artesanato ao Futuro

Tudo está ligado. Entrelaçam-se fios dinâmicos entre os elementos, entre as matérias, entre os saberes, entre as pessoas, com a memória e o tempo. Com a vida.

“Ligações” pretende mostrar como o PROJETO TASA – Técnicas Ancestrais Soluções Atuais – liga artesãos, designers, gerações, saberes, materiais, tradição e inovação, arte e uso, origem e tendências, passado, presente e futuro.

De 20 de setembro a 26 de outubro, decorre uma exposição e acontecem workshops, conversas, residência criativa, animação, música, gastronomia, em Loulé, no CECAL – Centro de Experimentação e Criação Artística de Loulé.

A entidade promotora é a Câmara Municipal de Loulé e a organização está a cargo da ProActive Tur. Conta com a CCDR Algarve como parceira e tem o apoio da Casa da Cultura de Loulé e do Cria (UALG).

O PROJECTO TASA centra-se na inovação estratégica do produto artesanal reabilitando o seu estatuto cultural e comercial. Uma rede de artesãos mestres em várias técnicas tradicionais do Algarve – olaria, tecelagem, cortiça, madeira – junta-se a designers e criam peças adequadas ao nosso tempo, que transportam a alma da região e acrescentam valor ao artesanato.

“Técnicas Ancestrais, Soluções Atuais” é um projeto da CCDR Algarve iniciado em 2010 e que neste momento está a ser dinamizado pela empresa ProActiveTur.

O programa

A exposição “Ligações” inaugura dia 20 de setembro, às 20h00, com música e intervenções artísticas que convidarão a descobrir os artefactos do TASA e o percurso estabelecido entre as matérias-primas e as peças, os usos tradicionais e os novos usos, entre o passado e o presente, e entre os materiais. Tudo à volta da “Empreita e cestaria”, do “Linho e lã”, das “Terras, barros e argilas”, da “Cortiça” e da “Cana, madeira e materiais vegetais”.

E porque se trata de valorizar as artes tradicionais e projetá-las para o futuro, vão acontecer três workshops para as famílias experimentarem a trabalhar o barro (21 de setembro), a fazer música com a natureza (12 de outubro) e a construir brinquedos de madeira (19 de outubro). A ideia é proporcionar uma tarde convivial, lúdica e educativa à sombra das frondosas árvores do parque municipal. Um convívio que poderá ser animado por um piquenique preparado por uma chef.

O Mercado Municipal de Loulé será palco de uma ação de gastronomia, em que se vão ligar os produtos TASA a atividades de degustação e onde se inclui a preparação de pitéus. É dia 5 de outubro, sábado, às 10h00.

O ritmo dos nossos dias é acelerado, por isso as “Conversas em Três Tempos”, juntam convidados e interessados para discutirem o essencial do passado (2 de outubro), presente (18 de outubro) e futuro das artes tradicionais (26 de outubro).

Um dos fundamentos do projeto é a dinâmica de criações coletivas entre artesãos e designers dando resposta a desafios contemporâneos. A residência criativa “TASalém Fronteiras” que acontece entre 20 e 27 de outubro, junta cinco designers portugueses e cinco designers estrangeiros com este propósito. Durante uma semana vão conhecer a cultura, as técnicas, os materiais e interagir com os artesãos com o objetivo de criar novas peças TASA.

O dia 11 de outubro é dedicado a mostrar como é possível ligar o artesanato ao turismo, enriquecendo-os mutuamente. Os profissionais do setor serão convidados a participar num programa de experiências na rota das artes tradicionais. E ao fim da tarde haverá um debate e momentos de animação.

O mote da exposição, das conversas, da residência criativa, dos momentos de animação, do projeto é LIGAR O ARTESANATO AO FUTURO.

Para mais informações:

www.projectotasa.com

facebook.com/projectotasa

informtasa@gmail.com

T: 914535262

O Município de Loulé

Categories: AGENDA, Loulé

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.