Ocorrências

LOULÉ | GNR detém traficantes

Militares do Núcleo de Investigação Criminal da Guarda Nacional Republicana de Loulé detiveram no dia de ontem, 28 de agosto de 2013, um cidadão de 32 anos de idade e uma cidadã de 24, indiciados pelo crime de tráfico de estupefacientes e posse de arma ilegal.

As detenções, efetuadas no seguimento de busca domiciliária, são o culminar de uma investigação que corria trâmites naquele Núcleo de Investigação desde finais de 2012, sendo que o principal alvo da investigação, o indivíduo de sexo masculino, era um dos principais fornecedores de estupefaciente, nomeadamente cocaína, na zona de Quarteira, Almancil e Loulé.

Desta forma, ao início do dia de ontem, os militares partiram para uma busca domiciliária à residência do visado, no sítio da Cascalheira – Loulé, tendo sido confrontados com elevado nível de resistência por parte do mesmo, que apontou uma arma de fogo municiada e pronta a disparar em direção aos militares, como forma de ameaça contra a vida destes, tentando-os demover de levar a efeito a diligência policial.

Após efetivar a detenção e no decorrer da diligência foi apreendido vário vestuário e peças de joalharia, relógios, 297€ em moeda do BCE, 44 munições de vários calibres, dez telemóveis, uma bicicleta, uma máquina fotográfica, um aparelho GPS e diversas embalagens de redrate, utilizado como produto de corte, para além da arma de fogo (revolver calibre .32), que se apurou ser furtada e ostentava o número de série rasurado.

Os detidos serão presentes durante o dia de hoje ao Tribunal Judicial da Comarca de Loulé, para aplicação das medidas de coação tidas por convenientes.

Com a conclusão desta investigação, a Guarda Nacional Republicana crê ter dado um rude golpe no tráfico de estupefaciente no concelho de Loulé, sendo de salientar que o ora detido já havia cumprido pena de prisão pelo crime de tráfico de estupefacientes.

GNR – Comando Territorial de Faro

 

Categories: Ocorrências

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.