AGENDA

Miguel Praia arranca hoje de 2.º em Interlagos, Brasil

Com temperaturas a rondar os trinta graus centígrados em São Paulo, o piloto albufeirense Miguel Praia conseguiu ontem, no circuito de Interlagos (Brasil), a segunda posição na qualificação para a quinta prova do Moto 1000 GP 2013. Aos comandos da CBR 1000RR com as cores da Center Moto, o piloto de Albufeira mostrou-se confortável com a pista desde os primeiros treinos livres ali realizados e confirmou o bom momento na qualificação, ao ser segundo a apenas 164 milésimas da ‘pole’ assinada pelo líder do campeonato, o argentino Luciano Ribondino.

Miguel Praia no Circuito de Interlagos

Miguel Praia no Circuito de Interlagos

Nesta quinta prova do campeonato, o traçado paulista, com o nome de Autódromo José Carlos Pace, tem-se mostrado algo trabalhoso para pilotos e equipas devido à pouca tração que o asfalto revela, devido às elevadas temperaturas, mas a chegada de um novo composto nos pneus que equipam toda a caravana, mais mole que o composto até aqui utilizado, mostrou-se mais adequado à CBR e ao estilo de condução de Miguel Praia.

“Desde o primeiro momento que a pista se mostrou muito escorregadia e de ‘grip’ reduzido mas penso que isso está a ajudar-nos em conjunto com os novos pneus. Estive sempre entre os três primeiros em todas as sessões de treinos e na qualificação segurei a segunda posição desde a primeira fase da mesma, confirmando e reduzindo a diferença para o primeiro na derradeira sessão de apenas dez minutos”, referiu Miguel Praia.

O piloto do Algarve mostra-se, por isso, confiante quanto à corrida a realizar hoje nos 4309 metros da pista paulista, onde os pneus irão certamente desempenhar um papel fundamental para se encontrar o resultado final. Praia assinou, nesta terceira visita do campeonato ao traçado, a sua melhor qualificação do ano e a consistência dos tempos realizados ao longo do ano revela que o quarto posto conseguido em Cascavel pode ser melhorado aqui em Interlagos.

“Consegui não apenas ser rápido mas principalmente consistente. Fiz o meu tempo na primeira qualificação em apenas uma volta mas nos treinos livres estive sempre muito próximo dos meus adversários. As motos mais potentes sentem dificuldades em conseguir colocar a potência no chão com o pneu mais duro e com o composto mais mole a durabilidade do pneu é mais reduzida que aquela que conseguimos na minha CBR, o que pode ser um bom trunfo para a corrida. Toda a equipa trabalhou de forma intensa para conseguirmos este resultado e sem o empenho da Center Moto e do José Carlos Saraiva sería impossível estar na segunda posição, o mesmo se passando com todos os patrocinadores que estão comigo esta época. Espero amanhã (hoje) poder dar uma alegria a todos”, salienta o piloto albufeirense.

A corrida de Miguel Praia, a quinta da temporada, tem arranque marcado para as 13 horas e 40 minutos locais (+ quatro horas em Portugal continental: 17h40m) e pode ser acompanhada em directo no site oficial do campeonato em: http://www.moto1000gp.com.br

Categories: AGENDA, Desporto

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.