AGENDA

Orquestra Clássica do Sul apresentou-se e anuncia 1.º concerto no dia 4 de outubro

A Orquestra Clássica do Sul apresentou na segunda-feira, dia 30 de setembro, no Vila Galé Ópera, a sua nova realidade, partindo da herança da Orquestra do Algarve e expandindo-se para outros horizontes como o Alentejo e concelhos a sul do Tejo, para do Algarve e Andaluzia, onde já desenvolvia atividade artística.

Na presença de Maria Cabral, presidente da Direção, Samuel Rego, diretor-geral das Artes, Cesário Costa, diretor artístico e maestro titular, José Carlos Ferreira, administrador, e John Avery, maestro associado, foram apresentadas as linhas de programação gerais para os próximos meses, que se podem conhecer aqui » Orquestra Clássica do Sul.

A Orquestra Clássica do Sul inaugura a sua atividade na próxima sexta-feira, dia 4 de outubro, com um concerto na Igreja do Carmo, em Tavira, pelas 21h30.

A abertura da ópera “L’oro non compra amore”, composta por Marcos Portugal em 1804, a obra “Variações sobre um tema rococó, Op.30, para violoncelo e orquestra”, que conta com a participação do solista Bruno Borralhinho e a exuberante Sétima Sinfonia de Beethoven compõem este reportório dirigido pelo Maestro Titular, Cesário Costa.

Categories: AGENDA, Algarve, Tavira

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.