Faro

Direção Regional de Educação desconhecia opção de dois agrupamentos escolares

A Direção Regional de Educação do Algarve desconhecia a opção de dois agrupamentos escolares de começar as aulas antes das 8h00, devido à falta de espaço para implementar um horário integral.

drealg

 

O diretor Regional de Educação do Algarve garante que foi surpreendio com a notícia do que se passa na Escola de Olhão mas não sabia ainda que esta diretiva está já a ser imposta em mais duas escolas de Faro.

Alberto Almeida considera que este problema está a colocar-se pela primeira vez este ano.

A inspeção Geral de Educação considera que as crianças que frequentam escolas em turno duplo por falta de espaço têm obrigatoriamente de fazer cinco horas diárias.

Até aqui, as escolas consideravam o intervalo de 30 minutos como componente letiva, já que as crianças estavam em espaço escolar a serem vigiadas.

Ana Herculano, da Associação de Pais da Escola Básica n.º 5 de Olhão, considera que este horário vai alterar toda a vida das famílias.

Na escola de Olhão, os pais foram avisados na véspera. Em Faro, este horário começa na próxima 2.ª feira em dois estabelecimentos de ensino, a Escola do Carmos e a de Alto Rodes.

Na escola do Carmo, Sandra Pereira, presidente da Associação de Pais também lamenta a decisão tomada com o ano já a decorrer.

O diretor Regional de Educação está agora a fazer o levantamento destes casos e admite que mais escolas poderão ser alvo desta decisão por parte da Inspecção Geral de Educação.

Alberto Almeida considera que têm de encontrar soluções com as autarquias e coloca a hipótese de arranjar espaço nas escolas mais próximas.

Um caso que ainda trará mais desenvolvimentos Uma associação de pais pediu já uma reunião com a Direcção Regional de Educação.

Fonte: Maria Augusta Casaca / TSF

Categories: Faro, Olhão

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.