Algarve

Porto de Faro apresenta melhor valor ‘do século’ em exportações

O porto comercial de Faro vai fechar o ano de 2013 com 400 mil toneladas de carga exportada, valor que representa o registo “mais bem-sucedido deste século”, disse à Lusa um responsável.

Porto de Faro - foto Sol

Porto de Faro – foto Sol

O cimento produzido na cimenteira da Cimpor, em Loulé, é a principal carga exportada a partir do Porto de Faro, seguindo em navios para a Argélia, no Norte de África, e para Cabo Verde, mas há também cargas de pedra, ferro e telha a serem enviadas para o território britânico de Gibraltar.

A alfarroba algarvia, que segue para Inglaterra, o sal de Olhão e o sal-gema de Loulé, o atum provenientes das armações ao longo da costa algarvia e que vai para o Japão a 60 graus negativos em frigoríficos são os outros produtos do Algarve que são exportados via marítima a partir de Faro.

“Vamos fechar acima das expectativas, perto das 400 mil toneladas de carga exportada”, assume Graco Trindade, referindo que as cargas essencialmente de exportação “contribuem para o desígnio de Portugal de retomar a sua produção nacional e a sua industrialização especializada”.

Segundo a autoridade portuária, o Porto de Faro tem “muita importância” estratégica no contexto regional, por ter uma “centralidade geográfica e ter na sua envolvência uma cintura industrial ligada à produção e à indústria extrativa e transformadora”.

Nos últimos seis semestres, o Porto de Faro registrou um aumento de exportação constante, conta Graco Trindade. Em 2012 registrou-se um total de carga exportada na ordem das 300 mil toneladas de carga e este ano esse número vai cifrar perto das 400 mil toneladas movimentadas e quase na totalidade para exportação, ou seja, há um aumento de mais de 30% em relação ao ano passado.

O Porto de Faro, num passado recente, teve uma importância estratégica regional no abastecimento de produtos petrolíferos – durante 40 anos recebia os combustíveis para o Aeroporto Internacional de Faro e para as gasolineiras, numa relação com o Porto de Sines, mas agora há um retomar da importância da estrutura apoiando a produção regional.

A autoridade portuária estima que em 2014 o crescimento e a dinâmica com o tecido empresarial se mantenham e que a exportação de cargas no Porto de Faro aumente para as 500 mil toneladas.

Por: Lusa

Categorias:Algarve, Faro

PlanetAlgarve

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s