Algarve

JS Algarve pede debate sério e clarificação urgente no PS

A Comissão Política da JS Algarve, reunida no passado dia 21 em Portimão, aprovou por unanimidade a Moção “Pela Clarificação no PS, pelo Compromisso com Portugal”, proposta pelo Presidente da JS Algarve. A Moção considera que a situação interna do PS carece de um amplo e profundo debate, para o qual todos os militantes terão de ser chamados sem exceção.

js_algarve

 

“O país e os Portugueses olham para o PS como um referencial de esperança, e exigem que o nosso partido responda aos justos anseios dos portugueses e se apresente ao eleitorado com uma liderança, um programa e um projecto, claro, mobilizador, capaz de responder aos problemas com que estamos confrontados e capaz de liderar o diálogo com os partidos políticos, parceiros sociais e forças da sociedade civil”, refere a Moção aprovada.

Para que tal seja possível, a JS Algarve considera indispensável, a realização de um congresso extraordinário, para discussão e aprovação de um projecto político e eleição de órgãos nacionais, assim como de eleições directas para Secretário-Geral. Independentemente da realização de eleições primárias para escolha do candidato a Primeiro-Ministro, a JS considera que, no quadro dos estatutos do Partido, estes procedimentos serão verdadeiramente indispensáveis para ouvir os militantes e desbloquear o impasse político com que o partido está neste momento confrontado.

A comissão política da JS Algarve mostrou a sua profunda preocupação com a qualidade do debate político neste processo de clarificação interna, e considera que este deve ser o mais célere, sério e participado possível, focado nos problemas do país, para que o PS possa ter condições para voltar ambicionar representar e defender os interesses dos portugueses, com a legitimidade e elevação que têm marcado a história do Partido.

Por: Comissão Política da JS Algarve

Categories: Algarve

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.