AGENDA

Lagos acolhe o II Seminário do Projeto INsPIREd e homenageia Luis Mendes Victor | 4 a 6 de setembro

Informar e envolver a população na prevenção dos riscos sísmico e de tsunami é fundamental para aumentar a sua resiliência e minimizar eventuais danos. São estes os principais objetivos do II Seminário do Projeto INsPIREd, que se realiza entre os dias 04 e 06 de setembro. No dia 06, o Município presta homenagem ao Professor Luís Mendes Victor.

cartaz

No fundo pretende-se, com a realização deste seminário, contribuir para a criação de uma cultura de risco na população. O envolvimento desta na prevenção do risco implica desde logo conhecer as vulnerabilidades sociais, situação fundamental para a posterior formulação de soluções.

A análise das estruturas urbanas históricas e das características construtivas do edificado tradicional é decisiva para a sua conservação e reforço estrutural, que deverão basear-se em soluções eficazes e compatíveis com os sistemas construtivos originais. Ao nível das áreas costeiras, este projeto pretende contribuir para prevenir eventuais danos resultantes da ocorrência de tsunamis, deslizamentos de terras ou derrocadas de falésias.

O Projeto INsPIREd resulta de uma parceria criada ao abrigo do Acordo EUR-OPA, que estabeleceu, para o biénio 2014-2015, como objetivos fundamentais, “usar a informação para salvar vidas e ajudar vítimas, usar o conhecimento para reduzir a vulnerabilidade e colocar as pessoas no centro da redução do risco de desastre”.

Nestes objetivos enquadram-se medidas de grande importância na redução do risco e aumento da resiliência, como sejam alargar o conhecimento e a informação disponíveis, promovendo a sua troca e disseminação, desenvolver sistemas de alerta, analisar áreas de risco e propor medidas para a sua mitigação, desenvolver rotinas e procedimentos preventivos e preparativos, como exercícios e simulacros, estudar soluções para a população mais vulnerável, em particular para pessoas com mobilidade condicionada.

A parceria criada deu continuidade ao projeto desenvolvido em 2012-2013, voltando a associar como parceiros o Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa e o Centre Euro-Méditerranéen pour l’Évaluation et la Prévention du Risque Sismique de Rabat, aos quais se junta o Centro Universitário Europeo per i Beni Culturali de Ravello, e as autoridades locais das cidades de Cascais e Lagos, em Portugal, e Tânger e M’Dieq, em Marrocos.

Aproveitando a ocasião, no dia 06, o Município de Lagos presta uma Homenagem ao Professor Luís Mendes Victor, atribuindo o seu nome a um arruamento da Cidade de Lagos. Recorde-se que Luís Mendes Victor foi um homem presente na vida desta cidade que adotou como sua, onde construiu uma casa e onde passava parte do seu tempo, participando na vida comunitária de forma interessada, como é exemplo a sua iniciativa de criação de uma associação de moradores do centro histórico.

PROGRAMA

QUINTA-FEIRA, 04 DE SETEMBRO
Local: Auditório dos Paços do Concelho Séc. XXI

09h30 | Receção aos participantes e entrega de documentação

10h00 | SESSÃO DE ABERTURA

Maria Joaquina Matos, Presidente da Câmara Municipal de Lagos

Paula Teves Costa, Presidente da Direção do Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa

Azelarab El Mouraouah, Coordenador do Centre Euro-Méditerranéen pour l’Évaluation et la Prévention du Risque Sismique de Rabat

Luís Cecílio, Representante da Câmara Municipal de Cascais

11h00 | Pausa para café

11h30 | APRESENTAÇÃO DO PROJETO INSPIRED

Paula Teves Costa, Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa

Azelarab El Mouraouah, Centre Euro-Méditerranéen pour l’Évaluation et la Prévention du Risque Sismique de Rabat

Luís Cecílio, Proteção Civil de Cascais

Frederico Mendes Paula, Câmara Municipal de Lagos

13h00 | Pausa para almoço

14h30 | SISMOS E TSUNAMIS

Sismicité récente au nord du Maroc suite au développement du nouveau réseau de surveillance

Aomar Iben Brahim, Institut National de Géophysique de Rabat

Surveillance du niveau marin au Maroc: état actuel et perspetives

Abdelouahad Birouk, Institut National de Géophysique-Centre National pour la Recherche Scientifique et Technique de Rabat

Evolution de la vulnérabilité au tsunami de la ville de Tanger

Sabah Benchekroun, Institut National de Géophysique- Centre National pour la Recherche Scientifique et Technique de Rabat

Moderador: Luís Matias, Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa

16h00 | Pausa para café

16h30 | PLANOS DE EMERGÊNCIA

Plano Municipal de Intervenção no Centro Histórico de Setúbal: Um Instrumento na Gestão Preventiva de Riscos

Manuela Tomé, Câmara Municipal de Setúbal

Exercícios e simulacros realizados no âmbito do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Lagos

Paulo Jorge Reis, Proteção Civil de Lagos

Rotas de evacuação em caso de tsunami – Aplicação à cidade de Lagos

André Trindade, Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

Moderador: Manuel João Ribeiro, Proteção Civil de Lisboa

SEXTA-FEIRA, 05 DE SETEMBRO

Local: Auditório dos Paços do Concelho Séc. XXI

9h30 | REFORÇO DO PARQUE EDIFICADO

Etat géophysique du site d’établissement scolaire

El Arbi Toto, Département de Géologie, Faculté des Sciences de Kénitra

Vulnérabilité des établissements scolaires dans la ville de Tanger

Abdellah El Hammoumi, Département de Physique, Faculté des Sciences de Rabat

Vulnerability assessment of Historical City Centers

Linda Pelli, European Center on the Prevention and Forecasting of Earthquakes of Athens

Moderador: Ferruccio Ferrigni, Centro Universitario Europeo per i Beni Culturali de Ravello

11h00 | Pausa para café

11h30 | REFORÇO DO PARQUE EDIFICADO

Soluções de Reforço Estrutural em Edifícios Tradicionais

José Paulo Costa, engenheiro

Renforcement et récupération du patrimoine vernaculaire

Ferruccio Ferrigni, Centro Universitario Europeo per i Beni Culturali de Ravello

SEISMIC-V project: Vernacular Seismic Culture in Portugal

Mariana Correia e Gilberto Carlos, Escola Superior Gallaecia de Vila Nova de Cerveira

Moderador: Frederico Mendes Paula, Câmara Municipal de Lagos

13h00 | Pausa para almoço

14h30 | ENVOLVIMENTO DA POPULAÇÃO NA REDUÇÃO DOS RISCOS

Développement humain et résilience de la population vis à vis dês catastrophes naturelles

Azelarab El Mouraouah, Centre Euro-méditerranéen sur l’évaluation et la prévention du risque sismique de Rabat

Social Vulnerability and Planning at Municipal Level: The Relevance of Scale

José Manuel Mendes, Centro de Estudos Sociais da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra

Lisbon: Some projects of public information and awareness to prepare citizens to reduce the disaster impact

Manuel João Ribeiro, Proteção Civil de Lisboa

Moderadora: Carmen Gonçalves, Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa

16h00 | Pausa para café

16h30 | CONCLUSÕES 

Reunião de trabalho da equipa de investigação do projeto

SABADO, 06 DE SETEMBRO

Local: Salão Nobre dos Antigos Paços do Concelho (Praça Gil Eanes)

09h30 | HOMENAGEM AO PROFESSOR LUIS MENDES VICTOR

Sessão Solene

Maria Joaquina Matos, Presidente da Câmara Municipal de Lagos

Paulo Morgado, Presidente da Assembleia Municipal de Lagos

João Pereira Neto, Secretário da Sociedade de Geografia de Lisboa

Frederico Mendes Paula, Câmara Municipal de Lagos

Representante da Família do Professor Luís Mendes Victor

11h00 | Deslocação de autocarro

11h30 | HOMENAGEM AO PROFESSOR LUIS MENDES VICTOR

Cerimónia de atribuição do seu nome a um arruamento da Cidade de Lagos

13h00 | Pausa para almoço

15h00 | VISITA À CIDADE DE LAGOS

As cicatrizes do Sismo de 1755 na estrutura urbana da Cidade de Lagos

Frederico Mendes Paula, Câmara Municipal de Lagos

Informação Complementar:

LUIS MENDES VICTOR EM LAGOS

Do trabalho desenvolvido por Luís Mendes Victor em Lagos destaca-se a organização do Seminário “Coastal and Tsunami Early Warning Systems”, 2001. Elaboração do “Estudo de Risco Sísmico no Centro Histórico de Lagos”, 2002-2005. Publicação dos resultados do estudo em livro, com duas edições em português e em inglês, 2006. Envolvimento de Lagos no Projeto Vulresada, “Gestion des Zones Côtières Face aux Risques Sismique et de Tsunami: Impact Socioéconomique”, 2012-2013. Organização durante este período de várias sessões públicas de apresentação dos estudos e de sensibilização da população. Luís Mendes Victor foi um homem presente na vida desta cidade que adotou como sua, onde construiu uma casa e onde passava parte do seu tempo, participando na vida comunitária de forma interessada, como é exemplo a sua iniciativa de criação de uma associação de moradores do centro histórico.

A morte do Professor Luís Mendes Victor no dia 24 de março de 2013 não interrompeu o seu trabalho em Lagos, já que ele prossegue, como seria a sua vontade, na continuidade que se tem dado aos estudos que iniciou, com o objetivo final de salvar vidas em caso de catástrofe.

HOMENAGEM AO PROFESSOR LUÍS MENDES VICTOR (1931-2013)

“É patente, ao longo da sua brilhante carreira, a preocupação com o sofrimento humano em consequência de catástrofes naturais e a importância que para si revestia uma aplicação integrada do conhecimento geofísico para prevenir e minimizar os seus efeitos, mediante uma abordagem interdisciplinar e cooperação internacional. O seu campo de ação centrou-se na promoção e concretização de programas para avaliar e reduzir os riscos sísmicos, de tsunami, hidrológicos e geológicos no ambiente muito complexo de uma extensa área metropolitana costeira, como é o caso de Lisboa e ao qual dedicou estudos diversos, designadamente sobre o terramoto de 1755 e consequente tsunami; idêntico interesse lhe mereceu Lagos, a sua terra de adoção”.

In Plano de Ação da Homenagem Nacional

NOTA BIOGRÁFICA

Licenciado em Ciências Geofísicas pela Universidade de Coimbra, 1955. Engenheiro Geofísico pela Universidade de Estrasburgo, 1966. Doutor em Ciências Físicas pela Universidade de Estrasburgo, 1970. Professor Catedrático de Física na Universidade de Lisboa, 1979. Diretor-Geral do Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica, 1977-1987. Presidente da ARVI-Europa, 1980-1986. Presidente do Centro Europeu de Previsão do Tempo a Médio Prazo, 1980- 1986 . Membro do Instituto Nacional de Investigação Científica, 1975-1980. Presidente do Comité de Coordenação Científica do Centro Universitário Europeu para os Bens Culturais de Ravello, 1986-1998. Diretor do Centro de Geofísica da Universidade de Lisboa, 1975-2001. Diretor do Instituto Geofísico do Infante D. Luiz, 1997-2004.

Presidente da Comissão Sismológica Europeia, 1998-2002. Presidente do Comité Consultivo Europeu de Avaliação das Previsões de Sismos, 1994-2000. Presidente da Direção do Instituto de Ciências da Terra e do Espaço, 1992-2005.

Presidente da Direção da Secção Portuguesa das Uniões Internacionais Astronómica e Geodésica e Geofísica. Presidente do Centro Europeu de Riscos Urbanos. Agraciado com a “Natural Hazards, Soloviev Medal (European Geophysical Society)”, 1996. Comendador da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada, 2005.

Por: Câmara Municipal de Lagos

Categories: AGENDA, Lagos

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.