Ocorrências

Foi detido grupo organizado de 5 criminosos que atuava em todo o país, incluindo o Algarve

No âmbito de inquérito que corre trâmites no Núcleo de Investigação Criminal da Secção de Informações e de Investigação Criminal do Comando Territorial da Guarda Nacional Republicana de Faro, no qual se investigam crimes de Associação Criminosa, Roubo, Furto, Falsificação de Documentos e Tráfico de Estupefacientes, foram detidos na passada quarta-feira, 22 de outubro, cinco cidadãos portugueses com idades compreendidas entre os 60 e 70 anos de idade, quando se encontravam no Norte do país em plena actividade criminosa.

Artigos apreendidos

Artigos apreendidos

 

O grupo criminoso, residente na área metropolitana de Lisboa e Setúbal, desenvolvia a sua actividade ilícita de forma organizada e em comunhão de esforços em todo o País, a qual passava por efectuarem vigilância a potenciais vítimas no interior de dependências bancárias, seguindo-as após as mesmas efectivarem elevados levantamentos monetários, consumando posteriormente o furto dos valores do interior dos veículos das vítimas ou em locais por estas frequentados.

O grupo atuava com elevado grau de organização e de forma concertada em todo o país (com especial incidência nos distritos de Faro, Setúbal, Aveiro, Lisboa, Leiria, Porto e Braga), tendo sido detidos quando se encontravam concentrados após tentativas de concretizar novos ilícitos criminais na área metropolitana do Porto.

Na sequência da presente investigação e em colaboração com militares dos Comandos Territoriais da Guarda Nacional Republicana de Lisboa e de Setúbal, foram levadas a efeito 25 buscas a residências, empresas e veículos, nas Zonas de Lisboa, Setúbal e Algarve, das quais resultou a apreensão de diversos objetos e elevadas quantias monetárias, presumivelmente relacionados com a actividade criminosa levada a efeito pelo grupo.

Entre os objectos apreendidos encontra-se ainda diverso material informático, telemóveis, ferramentas e peças de vestuário utilizadas para dissimular a identidade e concretizar os ilícitos, bem como cinco automóveis e materiais para alteração de notação técnica dos veículos.

A presente investigação decorre há cerca de 10 meses, sendo que os ora detidos, com antecedentes criminais pela prática de crimes contra o património, desenvolviam a actividade com elevado grau de profissionalismo e eficiência, pautando-se pela elevada mobilidade e alargado raio de acção, presumindo-se que os proveitos da actividade criminosa possam ser contabilizados na ordem das várias centenas de milhar de euros.

Os cinco indivíduos ora detidos estão a ser presentes ao Tribunal de Faro para aplicação das medidas de coacção achadas adequadas, prosseguindo as diligências investigatórias no sentido de identificar mais casos e associar o grupo a outras ocorrências.

Por: GNR – Comando Territorial de Faro

Categorias:Ocorrências

PlanetAlgarve

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s