Uncategorized

PORTAGENS NA VIA DO INFANTE | JS Algarve pergunta onde andaram os deputados do PSD nos últimos 4 anos

js_algarve

“O PSD só tem uma posição, não tem nem duas, nem três, só tem uma posição: todas, mas todas, as SCUT devem ser portajadas”.

Esta foi a posição de Passos Coelho em Maio de 2011 aquando da negociação do PECIII com o Governo de José Socrates, tendo inclusive reforçado que a posição do PSD foi de defender “sempre, mas sempre, que não devia haver SCUT e que as auto-estradas deviam ser todas portajadas”.

Que a febre da austeridade afetara o Governo anterior, já todos sabíamos. Agora o que se pergunta é: onde estiveram os deputados do PSD Algarve nas propostas de abolição das portagens da A22 apresentadas nos últimos 4 anos?

É verdade, estavam lá, na Assembleia da República. Mas a votar contra, contra os interesses da nossa região.

Nos últimos 4 anos não se verificaram quaisquer movimentações por parte dos deputados do PSD Algarve no sentido de defender a abolição das portagens na A22. Inclusivamente, foi no Governo de Passos Coelho que se iniciou a cobrança das portagens na A22, tendo acentuado o caos que assola a EN 125 projetando-a, cada vez mais, no panorama nacional pelos piores motivos.

Os deputados do PSD Algarve pactuaram com o paradigma com que hoje nos deparamos, nunca tendo defendido os interessas da região pela qual foram eleitos.

É surpreendente que, ao fim de 80 dias de governação, pretendam impor a um Governo aquilo que nunca fizeram em 4 anos.

A Juventude Socialista do Algarve compreende que a expetativa de corrigir tudo aquilo que foi feito de errado nos últimos 4 anos é grande. Certamente que a JSD e o PSD Algarve, tal como os Portugueses, depositam total esperança no Governo de António Costa. Contudo, sejam razoáveis e dêem-nos tempo.

Por: JS Algarve

Categories: Uncategorized