S. Brás de Alportel

Órgãos Autárquicos Municipais de São Brás de Alportel tomaram posse

O Cineteatro São Brás acolheu esta segunda-feira, 23 de outubro, a cerimónia de Tomada de Posse dos Órgãos Autárquicos do Município, nomeadamente a Assembleia Municipal e a Câmara Municipal.

Numa sala completamente cheia, a comunidade são-brasense partilhou este momento de especial relevo na história da democracia local, que marca um novo ciclo autárquico em São Brás de Alportel.

Após um momento musical interpretado por Tuula Kähkönnen, numa colaboração do Museu do Traje, a cerimónia teve início com a tomada de posse dos membros da Assembleia Municipal. Em função dos resultados das eleições do passado dia 1 de outubro, a Assembleia Municipal de São Brás de Alportel, formada por 16 elementos, é composta por 10 membros eleitos pelo Partido Socialista (incluindo neste conjunto o Presidente da Junta de Freguesia de São Brás de Alportel, eleito pelo Partido Socialista que integra o órgão por inerência), 5 membros eleitos pela Coligação São Brás de Alportel Primeiro CDS-PP / MPT/ PPD-PSD/ PPM e por 1 membro eleito pela Coligação Democrática Unitária-CDU – PCP/PEV.

De seguida, teve lugar a tomada de posse dos membros da Câmara Municipal. Em função dos resultados eleitorais, o executivo municipal passa a ser constituído por 4 elementos eleitos pelo Partido Socialista, nomeadamente o Presidente, Vitor Guerreiro e os vereadores Marlene Guerreiro (PS), Acácio Martins (PS) e David Gonçalves (PS) e 1 elemento eleito pela coligação São Brás de Alportel Primeiro – CDS-PP / MPT/ PPD-PSD/ PP), vereador Bruno Costa.

Após a tomada de posse dos membros da Assembleia Municipal e da Câmara Municipal, teve lugar a primeira sessão do órgão, durante a qual foi realizada a votação da composição da Mesa da Assembleia, nomeadamente: Presidente, Ulisses Brito; 1.º secretário Josélia Gonçalves e 2.º secretário João Grenhas.

Ulisses de Brito, após ter sido reeleito Presidente da Assembleia Municipal, dirigiu-se à plateia repleta, manifestando a sua satisfação pela expressiva participação nesta primeira reunião da Assembleia Municipal, assegurando que este deve ser sempre um espaço aberto onde todos podem ter oportunidade de participar e apresentar a suas opiniões e propostas, nas mais diversas áreas da vida do concelho.

O presidente da Assembleia Municipal expressou ainda a vontade de no presente mandato levar as reuniões da Assembleia Municipal para fora dos Paços do Município com maior frequência, de modo a aproximar eleitos e eleitores.

Vitor Guerreiro, recém-empossado, para novo mandato como Presidente da Câmara Municipal, dirigiu-se a todos o presentes, não escondendo a sua emoção.

“Sei que vamos transformar as dificuldades em novas oportunidades e que nunca desistiremos de lutar por aquilo que acreditamos e que é o melhor para a nossa terra e para a nossa gente”, vincou o Presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, Vitor Guerreiro (PS), após a sua tomada de posse e da equipa que vai estar à frente do Município até 2021.

Vitor Guerreiro quer nos próximos quatro anos consolidar a estratégia de desenvolvimento do concelho com medidas de apoio ao setor económico, entre elas, as medidas de simplificação administrativa, e reforçar a atratividade do território com vista à captação de mais investimento e empreendedorismo.

Honrado pelo renovado voto de confiança dos são-brasenses em si, na sua equipa e no seu projeto, Vitor Guerreiro afirmou que vai continuar a pugnar por uma política de proximidade, assente na solidariedade, na partilha, no diálogo e tendo como guiões principais a Carta Social e o Programa “São Brás Acessível para todos”. O edil são-brasense assegurou que a aposta na educação e no apoio às famílias será sempre a base de todo o trabalho autárquico, e apresentou sumariamente as prioridades para o novo quadriénio, entre as quais a valorização do património, a estratégia de promoção turística, o alargamento da rede de saneamento, a modernização das infraestruturas desportivas e a aposta na mobilidade inclusiva.

Afirmando que defesa da floresta e a prevenção de incêndios “é uma missão nacional que nos deve unir a todos”, Vitor Guerreiro afirmou o compromisso de reforçar o investimento na proteção civil e na segurança, aludindo às próximas ações que serão postas em prática: o processo de constituição de mais duas Zonas de Intervenção Florestal, que está em curso e a constituição da nova equipa de sapadores florestais.

“Estamos já a lutar por dois projetos fundamentais: a criação de uma barragem de grande dimensão na zona serrana e a criação de uma estação de biomassa para limpar a floresta”, anunciou o reempossado Presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel.

“Preservar o passado, de olhos posto no futuro. Valorizar o que é nosso, de horizonte aberto ao mundo. Esta é a nossa forma de caminhar, pela rota do desenvolvimento sustentável, é a mensagem de Vitor Guerreiro.