Lagos

LAGOS | Município investe na manutenção dos espaços verdes urbanos

Mais de 1,3 milhões de euros[i] é quanto o município de Lagos pretende investir na manutenção dos espaços verdes urbanos do concelho, a concretizar através de contratação de serviços externos. A exigência de afetação de mais meios humanos e materiais, a recuperação de canteiros e a valorização dos jardins do concelho, com mudança de plantas consoante a época do ano, assim como a implementação de medidas que permitam uma fiscalização mais rigorosa e apertada relativamente ao cumprimento das obrigações contratuais, são algumas das características deste novo procedimento que visa, em última instância, afirmar Lagos como um concelho mais verde, mas também mais florido.

LAGOS – Jardim da Constituição e as Muralhas do Castelo

O novo ciclo contratual terá início no último trimestre de 2021 e prolongar-se-á até 2024. Para este triénio aposta-se na imagem e beleza dos espaços verdes, respetivo ordenamento, limpeza e tratamento, não descurando igualmente o compromisso com a sustentabilidade, ao preconizar espaços verdes mais adaptados e que contribuam para a mitigação das alterações climáticas e para a harmonia ambiental.

O caderno de encargos prevê a constituição de quatro lotes, distribuídos entre a cidade, a freguesia de Odiáxere e a área urbana da freguesia da Luz.

O concurso público, aprovado na última reunião de Câmara, já mereceu igualmente a aprovação da Assembleia Municipal, seguindo agora para publicação no Jornal Oficial da União Europeia (JOUE) atendendo ao preço base do procedimento.

______________________________________

[1] 1 335 000,00€ acrescido do IVA à taxa legal em vigor.

Categories: Lagos