Desporto

VILAMOURA | Dupla portuguesa mais próxima da qualificação para TÓQUIO 2020

Pedro e Diogo Costa (Foto-João Ferreira- Osga)

Os velejadores Diogo e Pedro Costa subiram hoje ao 3º lugar do Campeonato do Mundo da classe 470, que decorre em Vilamoura até ao próximo sábado.

Com esta classificação os irmãos Costa continuam os mais bem posicionados para ocupar a única vaga olímpica ainda existente para os Jogos de Tóquio 2020, que está a ser discutida por 6 países. No encalço dos portugueses estão os suíços (8º lugar) e dos húngaros (10º).

Anton Dahlberg e Fredrik Bergström (Foto-Uros Kekus Kleva)

No topo da classificação a dupla sueca Anton Dahlberg e Fredrik Bergström conseguiu ascender ao 1º posto, relegando para 4º os espanhóis Jordi Xammar e Nicolas Rodriguez, até agora líderes da prova.

Os nórdicos estão agora mais perto do seu objetivo.

“É um sonho para nós sermos campeões. Foi um dia muito traiçoeiro e muito competitivo onde todos os erros contam e nós cometemo-los. Debatemos-mos com o vento fraco e foi difícil perceber para onde ele ia, mas somos bem sucedidos”, afirmou Anton Dahlberg.

Com o vento a diminuir de intensidade em relação aos últimos dias a frota de 77 embarcações conseguiu realizar as 2 provas previstas, totalizando já 7 regatas.

A dupla russa Pavel Sozykin e Denis Gribanov subiu para o 2º posto, mantendo a ascensão na classificação.

Na competição feminina as espanholas Silvia Mas Depares e Patricia Cantero Reina mantiveram o 1º lugar seguidas das francesas Camille Lecointre e Aloïse Retornaz, atuais campeãs da Europa, agora na 2º posição.

As holandesas Afrodite Zegers e Lobke Berkhout subiram ao 3º lugar da competição.

Também na frota feminina se procura preencher a única vaga olímpica ainda disponível. Até ao momento a Turquia é a melhor colocada, seguida da Rússia e da Ucrânia.

Na competição mista a dupla inglesa Amy Seabright e James Taylor lidera, seguida dos israelitas Gil Cohen e Noam Homri e os norte-americanos Louisa Nordstrom e Trevor Bornarth fecham o pódio.

As tripulações mistas serão o futuro da classe 470 e o formato exclusivo a ser adotado depois dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

No segundo dia do Campeonato da Europa de classe RS:X, modalidade olímpica do windsurf, deu-se uma total reviravolta na classificação liderada agora pelo israelita Ofek Elimelech vencedor de 2 das 3 regatas do dia.

O 2º lugar é ocupado agora pelo italiano Mattia Camboni seguido do compatriota Carlo Ciabatti.

Na competição feminina a francesa Charline Picon, atual campeã europeia, mostrou que está disposta a revalidar o título ao vencer as 3 regatas do dia, depois de ter terminado a única regata de ontem em 11º. O 2º lugar está agora entregue à polaca Zofia Noceti Klepacka que trocou de posição com a italiana Giorgia Speciale agora em 3º.

Categories: Desporto, Quarteira