Tavira

TAVIRA | I servYcet no Campo Escutista

servYcet – Uma ferramenta para a vida

O Campo Escutista de Tavira localizado na Mata Nacional da Conceição de Tavira e à responsabilidade do Agrupamento 100 de Tavira do Corpo Nacional de Escutas – Escutismo Católico Português, acolheu nos dias 12, 13 e 14 de novembro a primeira edição da servYcet.

Esta atividade teve como finalidade ser uma atividade típica da IV secção que engloba os jovens dos 18 aos 22 anos. O imaginário que serviu como linha orientadora terá sido dividido em duas partes. Uma delas a conversão de S. Paulo, patrono da secção sendo que, para além disso, os elementos foram também desafiados a “adotar” uma ferramenta que os acompanharia ao longo de todo o fim de semana.

Com a participação de caminheiros e dirigentes dos agrupamentos de Tavira, Albufeira, Quelfes, Messines, Conceição de Faro e da I companhia de Guias de Tavira, num total de 29 participantes, foram desenvolvidas dinâmicas em tribos (grupo composto por vários jovens da secção) atribuídas na atividade.

Cada tribo terá então acolhido uma ferramenta que, no fundo, representava e personificava uma pessoa “real”, com problemas reais da nossa sociedade. Cada uma das personagens trazia consigo uma história de vida complicada, desafiando os elementos a, durante o fim-de-semana, a mudarem por completo, tornando-a mais feliz e devolvendo-lhe o propósito de vida que tinha perdido. Os elementos foram assim desafiados a ser verdadeiros agentes de mudança, não só através dos serviços realizados em campo mas também através do impacto que terão deixado na vida destes personagens.

A atividade terminou no domingo com a eucaristia celebrada pelo Assistente de Agrupamento do 100 de Tavira já na nova capela construída no dia anterior, abençoada nesta cerimónia.

A avaliação por parte dos participantes foi bastante positiva. Consideramos que a grande mais valia terá sido a possibilidade que cada elemento teve de deixar uma marca sua neste espaço que acreditamos ser uma mais valia para o escutismo na região e a nível nacional.

O Campo Escutista de Tavira é um espaço que privilegia a educação ambiental e a vida na natureza, pilares fundamentais do escutismo. Neste espaço dinamiza-se a preservação da natureza de uma forma pedagógica junto das crianças e jovens desta associação, que conta com quase 70 000 elementos e dirigentes em todo o país. Atualmente, o Campo Escutista de Tavira já recuperou uma área de 6 hectares que outrora terão sido os estaleiros do troço da A22 entre Vila Real de Santo António e Tavira, abandonados há 30 anos, em plena área protegida.

Este espaço ganha agora uma nova vida, focada nos mais novos, futuro da nossa sociedade, onde é possível realizar atividades escutistas em segurança para estas crianças e jovens, 6 aos 22 anos, que aqui poderão aprender a preservar o ambiente e a ser vozes ativas no combate às alterações climáticas.

Por: Agrupamento 100 Tavira – CNE

Categories: Tavira