AGENDA

“Albufeira Mulher” e exposição de Artur Pastor marcam as comemorações do dia 8 de março

No âmbito das comemorações do centenário de nascimento de Artur Pastor, Albufeira tem previstas diversas atividades e a primeira é já no próximo dia 8 de março, celebrando o Dia da Mulher e o olhar do  fotógrafo sobre as mulheres do Portugal dos anos 40 e 50 do século XX. Trata-se da exposição “As mulheres de Artur Pastor”, da autoria de Marta Nunes, a ter lugar na Sala de Extensão Cultural do Arquivo Municipal de Albufeira, local onde ficará patente até 9 de junho. À noite, a iniciativa “Albufeira Mulher” vai voltar a distinguir mulheres do concelho, nas áreas da Saúde, Tradição Popular, Desporto, Ensino Superior, Espaços Verdes, Gastronomia, Hotelaria, Igualdade e Voluntariado.

Para assinalar o Dia Internacional da Mulher, Albufeira volta a realizar o programa “Albufeira Mulher”, naquela que é já a sua quarta edição. Este ano serão distinguidas mais dez mulheres albufeirenses com desempenhos de destaque nas áreas da Saúde, do Desporto, da Hotelaria, da Igualdade, da Gastronomia, do Ensino Superior, dos Espaços Verdes, do Voluntariado e da Tradição Popular. Através desta distinção simbólica, a Câmara Municipal já reconheceu, publicamente, 27 mulheres albufeirenses, cujos percursos profissionais ou contributos pessoais foram ou são relevantes para o concelho. Atendendo às restrições ainda em vigor, impostas pela pandemia de covid-19, e à semelhança da edição de 2021, o evento será transmitido em streaming, sem participação de público.

O Dia 8 de Março fica também assinalado pela inauguração da exposição “As mulheres de Artur Pastor” da ilustradora Marta Nunes. A abertura desta exposição contará com intervenções por meio virtual do filho de Artur Pastor e da autoria da exposição. A coleção é composta por 30 ilustrações a grafite, numa tentativa de resgatar a memória de todas as mulheres fotografadas por Artur Pastor. Marta Nunes nasceu em 1984, em Lousada. Formada em Arquitetura pela Universidade da Beira Interior é ainda durante o curso que surgem os primeiros trabalhos de ilustração para publicações. Descobriu a obra de Artur Pastor, num projeto sobre recolha de histórias de vida, no concelho de Portalegre. As fotografias de Artur Pastor despertaram ainda mais o seu interesse pela vida, costumes, tradições e ofícios das mulheres entre as décadas de 40 a 60.

Saliente-se que no âmbito das comemorações do centenário de nascimento de Artiur Pastor, Albufeira tem previstas diversas atividades, nomeadamente uma exposição na Esplanada Dr. Frutuoso da Silva com abertura a 10 de junho, contemplando 34 fotografias do Algarve e 26 fotografias de Albufeira.

Artur Pastor (1922-1999) foi um dos grandes fotógrafos portugueses no século passado. Deixou um legado de dezenas de milhares de fotografias a preto e branco ou a cores. O seu trabalho cobre o país de norte a sul, entre os anos 1940 até o seu falecimento. Este ano assinala-se o nascimento do fotógrafo pelo que um pouco por todo o país serão realizados vários eventos em sua homenagem.

Categorias:AGENDA, Albufeira