Empresas

Portuguesa Magic Beans prossegue estratégia de globalização e abre nova subsidiária na Bélgica

  • Magic Beans reforça posicionamento de expansão na Europa na área dos serviços de consultoria em cloud adoption com abertura de nova subsidiária na Bélgica
  • Tecnológica portuguesa quer chegar aos 100 colaboradores até ao final de 2022, ano em que prevê alcançar um volume de negócios de mais de 3 Milhões de Euros
  • Com clientes em Portugal, na Bélgica, em Espanha, na Holanda, no Luxemburgo, em França, Alemanha e EUA, a Magic Beans já está a estudar um futuro investimento noutro país europeu

Depois de ter fechado o ano de 2021 com um crescimento significativo e um volume de negócios que totalizou os 1.6 Milhões de Euros, de ter sido distinguida como AWS Migrations Iberia Partner 2021, ter aumentado a equipa para 50 colaboradores e ter reforçado a sua presença em Espanha, a Magic Beans prossegue a sua estratégia de expansão e internacionalização do negócio abrindo uma nova subsidiária na Bélgica. A empresa portuguesa, criada em 2017 e totalmente vocacionada para a prestação de serviços de aconselhamento em tecnologia para a Cloud, espera alcançar um volume de negócios de mais de 3 Milhões de Euros em 2022, voltar a duplicar o número de colaboradores, chegando aos 100, e já está a avaliar a abertura de mais uma nova subsidiária noutro país europeu.

Vítor Rodrigues, CEO e fundador da Magic Beans

“A abertura da Magic Beans Bélgica assinala um momento muito relevante da nossa estratégia de crescimento e globalização do negócio. Situada no coração da Europa, em Bruxelas, a nossa nova subsidiária resulta da aposta que temos vindo a faze, desde a nossa fundação em 2017, de sermos o melhor prestador de serviços de aconselhamento em estratégia e tecnologia para a adoção da cloud e, assim, contribuir para a transformação real de empresas e negócios, capacitando os nossos clientes com os recursos que lhes permitam responder aos desafios de mercado agora e no futuro tanto em Portugal, como no resto da Europa,” afirma Vítor Rodrigues, CEO e fundador da Magic Beans.

Recorde-se que a empresa em 2021 já tinha aberto uma subsidiária em Espanha, país onde está presente com escritórios em Madrid e Barcelona e onde possui um relevante número de projetos/clientes entre PMEs, Start Ups e ISVs. Em 2022, a Magic Beans está a equacionar a abertura de mais dois novos escritórios no país vizinho, desta feita em Valência e Saragoça.

Privilegiando um modelo de negócio assente no nearshore do talento dos engenheiros e profissionais de TI portugueses e num elevado nível de especialização numa oferta tecnológica de serviços altamente sofisticados, a Magic Beans opta por mercados próximos de Portugal, de fácil acesso e onde a transformação digital já tenha alcançado níveis de maturidade suficientes para que as empresas criem, desenvolvam e implementem estratégias de cloud adoption e procurem serviços que lhes permitam beneficiarem de todo o poder contido nas tecnologias de cloud e de nova geração.

A opção pela Bélgica, está enquadrada na nossa estratégia de escolhermos países com proximidade geográfica de Portugal, nos quais consigamos de alguma forma operar num momento inicial em complementaridade com um modelo NearShore em Portugal. Adicionalmente, procuramos mercados maduros, mas que ainda tenham uma margem de grande crescimento para soluções de Cloud. Desta forma, é possível que uma empresa como a Magic Beans consiga ter capacidade de investimento e de competir nestes mercados,” explica aquele responsável.

Estratégia de crescimento para 2022 passa também por reforçar presença em Portugal, Espanha e pela entrada em novos mercados europeus

Entre os objetivos fixados pela tecnológica portuguesa para este ano, contam-se: reforçar a sua presença em Portugal e Espanha, fortalecer o seu posicionamento enquanto multicloud provider e prestador de serviços integrados que vão desde a definição do plano inicial de adoção da cloud à migração, passando pela transformação aplicacional e pela manutenção corretiva e evolutiva. A par destes, a empresa ambiciona igualmente aumentar o reconhecimento da qualidade do trabalho dos seus profissionais, obter o nível de Parceria AWS Premier, reforçar o investimento na prestação de serviços multicloud e na capacitação em certificações, bem como desenvolver projetos de modernização aplicacional para otimizar o funcionamento da Cloud Pública.

“Até ao fim deste ano, em que esperamos vir já a alcançar um volume de negócios superior a 3 Milhões de Euros, queremos ser uma equipa de 100 especialistas. Para tal estamos a recrutar mais talentos que nos permitam potenciar o nosso crescimento em Portugal e à escala global, e a reforçar a nossa oferta de serviços cada vez mais inovadores, completos, sofisticados e maduros de Cloud Adoption, que assentam na transformação e na modernização de plataformas de suporte ao negócio por forma a maximizar as características diferenciadoras de elasticidade, flexibilidade, PayPerUse, e evolução tecnológica oferecidas pela cloud. Continuaremos a expandir a nossa rede de escritórios e de subsidiárias a outros países europeus em 2022. Neste momento, estamos já avaliar um outro novo mercado europeu e esperamos anunciar no segundo semestre a abertura de mais uma nova subsidiária,” conclui Vítor Rodrigues.

A Magic Beans foi distinguida como AWS Migration Partner of the Year 2021 IberiaAWS Iberian Rising Star Partner of The Year AWS Consulting Partner of the Year.

A Magic Beans possui parcerias com os principais líderes mercado em tecnologias Cloud e outras de nova geração, e entre os quais se destacam a AWS, a Microsoft, a RedHat, a Veeam, a VMware, a Zendesk e a Google.

Categorias:Empresas, Nacional