Albufeira

Eduardo Almeida é o novo Presidente da JSD/Algarve

1.º Congresso Regional da JSD/ Algarve realizou-se em Querença

Querença recebeu, no dia 22 de Julho de 2012, o 1º Congresso Regional da JSD/ Algarve, marcando a preocupação desta estrutura jovem pelos temas da Interioridade e do Empreendedorismo.

A sessão de abertura contou com a presença e intervenção de Hélder Martins (Presidente do PSD/ Loulé) e Joaquim Guerreiro (Vereador da Câmara Municipal de Loulé), além do anfitrião Manuel Viegas dos Santos (Presidente da Junta de Freguesia de Querença).

A Moção Global de Estratégia intitulada “ Mais Jota, Mais Juventude, Mais Algarve, Sempre Mais!” foi apresentada por Eduardo Almeida, então candidato a Presidente da JSD/Algarve e discutida, conjuntamente com as restantes dez moções sectoriais que abordaram temáticas como a Educação, a Economia do Mar, Ensino Superior, Empreendedorismo, Energia Sustentável, Interioridade e Abertura do Sistema Político.

O Almoço – Conferência, realizado na Casa do Povo de Querença, contou com as intervenções de Ofélia Ramos (Directora do Centro Distrital de Segurança Social de Faro) e de Carlos Baía (Delegado Regional do IEFP Algarve), que apresentaram as mais recentes medidas governamentais nas áreas da Acção Social e do Emprego.

Bruno Inácio, Presidente cessante da JSD/ Algarve recordou o seu percurso nesta estrutura, afirmando que “Ao longo deste caminho [na JSD/ Algarve] há marcas que esta Comissão Política deixa na Região”, referindo-se às intervenções no âmbito do Ensino Superior, na reflexão sobre a Rede de Transportes e pelo apoio dado ao PSD sempre que necessário, não prejudicando a sua própria autonomia.

Eleito Militante Honorário da JSD/Algarve por aclamação, Bruno Inácio acrescentou ainda que “Estes 11 anos [na JSD] para mim, talvez uma vida, valeram a pena. Obrigado a todos os que fizeram parte do meu percurso.”

Elsa Cordeiro, Cristóvão Norte e Pedro Roque (Deputados do PSD pelo Algarve na Assembleia da República), Luís Gomes (Presidente do PSD/Algarve) e Macário Correia (Presidente da Câmara Municipal de Faro e da Associação de Municípios do Algarve) estiveram presentes. Em representação da Comissão Política Nacional da JSD e da Regional de Lisboa da JSD, respectivamente, Paulo Pinheiro e Joana Barata Lopes.

Márcio Rodrigues, o novo Presidente da Mesa do Plenário Regional, garantiu que a sua equipa desempenhará um trabalho “ de uma forma isenta, (…) acima de tudo de supervisão [dos trabalhos da CPR] ”.

No seu discurso de Tomada de Posse, Eduardo Almeida, começou por se dirigir a “todos os ex-dirigentes da JSD Algarve que ao longo dos anos se entregaram à causa política sem pedir nada em troca, à representatividade dos jovens, e por nunca terem deixado esta estrutura desaparecer e por honrarem sempre a nossa estrutura. Nem sempre foi fácil, mas a nossa estrutura sempre soube dar a volta às divergências que apareciam no nosso caminho. Não é fácil ser se dirigente da maior e melhor estrutura política de juventude da região. As responsabilidades são muitas. Mas foi com um enorme sentido de responsabilidade que decidimos unirmo-nos em torno deste projecto e que assumimos hoje a liderança da JSD Algarve. Move-nos a consciência da gravidade dos problemas que a nossa geração e que as próximas gerações têm pela frente.(…) O legado da JSD Algarve é superior a quem dirige os destinos da estrutura. E nós temos que ter um princípio basilar nesta estrutura: O que nos realmente move é a juventude e não os nossos interesses pessoais.”

Recordou ainda que “ Hoje a nossa geração atravessa a pior crise que se verificou nos últimos anos em Portugal (…) a nossa geração e a dos nossos pais, pagam bem cara a factura que os governos liderados pelo Partido Socialista deixaram. Enquanto lá estiveram distribuíram o que tínhamos e o que não tínhamos (…) gastaram mal os fundos estruturais e criaram assimetrias por todo o país. Se hoje temos mais pobreza, mais desemprego, mais problemas sociais, tudo isto deve-se a um partido que enquanto está na oposição tem o coração na ponta da língua mas quando está no governo só sabe prejudicar o país e esbanjar o que temos e o que não temos.”

“Hoje temos um governo PSD que luta diariamente para arrumar a casa e endireitar o nosso país. Que tem a coragem e o sentido de responsabilidade de tomar medidas difíceis, para todos, mas que acredito que no fim valerão a pena. E a JSD tem um papel importantíssimo no apoio a este Governo. No Algarve não será excepção. Teremos sempre uma postura construtiva. Teremos sempre uma postura assertiva. Teremos sempre uma postura de autonomia.”

Dirigindo-se depois a todos os agentes políticos da Região afirmou: “Podem contar com esta Comissão Política Regional para construir um modelo sustentável para a nossa região, mas não nos peçam para sermos a voz do partido junto dos jovens, peçam-nos antes para sermos a voz dos jovens junto do partido, pois assim é que conseguiremos construir um modelo sustentável e só desta forma é que estaremos a agir com os nossos princípios e os nossos valores, porque se há algo que esta Comissão Política Regional terá é sentido de responsabilidade.”

Eduardo Almeida lidera agora a Comissão Política Regional da JSD/Algarve, composta por representantes de todas as Concelhias, demonstrando que a estrutura continua unida e coesa para lutar pelos interesses de todos os jovens algarvios.

Recebido de JSD/Algarve

Categories: Albufeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.